sábado, 12 de fevereiro de 2011

AGOUTI PACA


Carne de paca pode provocar tumores no fígado

Carne de paca pode provocar tumores no fígado. A descoberta pode ser publicada na renomada Revista Scientific. O mundo científico prepara-se para invadir o Acre com os seus tubos de ensaio, os seus scanners, a sua curiosidade.

É que o apresentador de rádio Reginaldo Cordeiro fez a descoberta e deixou extremamente preocupado o Senador da República Sérgio Petecão. O senador do Acre promete fazer um discurso bombástico no Senado, exigindo a intervenção imediata da Fundação Oswaldo Cruz, já que podemos estar a enfrentar uma nova peste.

É que o nosso senador tem informações seguras de que a paca é um dos animais amazônicos que mais são picados por cobras, como cascavel e pico-de-jaca. Petecão desconfia de que é o veneno desses insetos mortíferos que pode estar provocando os tumores no fígado dos comedores de carne de paca.

Uma audiência pública da Comissão de Ciência e Tecnologia, da Câmara e do Senado, vai ouvir cientistas renomados e iniciar, talvez, o debate mais importante para a ciência brasileira.

Há ainda a possibilidade de se instalar uma Comissão Especial do Congresso, a CPI da Carne de Paca, com deputados como Romário, Tiririca, Wagner Montes e Jean Wyllys, para investigar quem são os responsáveis por essa tragédia amazônica.

Petecão está deveras preocupado com essa possibilidade do fígado dos amazônidas ter que entrar na fila dos transplantes. São mais de cinco milhões de brasileiros que vivem nas florestas da Amazônia, comendo pacas, votando em babacas, expondo seu fígado às hepatites e, agora, aos tumores da carne de caça.

Veja o que disse o nosso senador sobre essa descoberta: “Rapaz, tu agora me deixou preocupado, pois eu aprecio uma carne de Paca. Será que isso faz mesmo mau para o fígado?”.

A pergunta do senador acreano está repercutindo nos grandes canais de televisão do mundo e deixando milhões de homens e mulheres em polvorosa, especialmente aqueles que vivem em países de densas florestas.

Petecão pensa, inclusive, em propor a convocação de uma nova conferência sobre o clima. É que as multidões desesperadas podem querer sair pó aí derrubando florestas tropicais, como forma de exterminar as pacas e seus tumores.

O Papa Bento XVI já foi ouvido sobre a possibilidade de proclamar uma nova Encíclica, proibindo o consumo de carne de paca, assim como já foi feito pelo patriarca Moisés com a carne de porco.

Imagine como não está aflito o povo acreano, comedor de carne de paca, apesar da vigilância federal do Ibama, que não permite a ninguém vender mogno, derrubar castanheira e comer carne de paca.

O clima está pesado e a população já pensa em realizar manifestações de rua, como aquelas do Egito, para descobrir quem foi a múmia que não deixou a gente comer sossegado a nossa secular carne de paca.

Petecão pensa ainda em aprovar um projeto de lei mudando o nome de Cuniculus paca para o originário Agouti paca, como forma de limpar a carne de paca desses contágios modernos e proteger os seus eleitores de situações constrangendoras como essa.

Se você duvida do que estamos escrevendo, basta acessar Petecão come carne de Paca e teme por doença no fígado.

2 comentários:

Jairo Nolasco disse...

Prezado Moisés,
Enfim, chegou a vez do Acre ter um folclórico no senado, tínhamos que dá nossa contribuição para as piadas sobre aquela Casa na internet e nos programas humorísticos de televisão.
Finalmente, o Casseta e Planeta vai abandonar aquela velha piada de que " O seringueiro tira leite do pau". Penso que o nosso "Peté" deveria se preocupar mais com o tipo de carne que afete aos lobos frontais que no caso dele parecem estar em polvorosa.
Durante muito tempo escapamos ao Zamir Teixeira, O Terrível. Agora não tem mais jeito...

Anônimo disse...

Desde quando, cobras são insetos mortiferos?